MESA DIRETORA DA CÂMARA DE FOZ QUER ABOLIR O HINO NACIONAL EM TODAS AS SESSÕES

Chico e Bobato mandaram tirar a Bandeira Nacional do mastro no alto da Avenida Brasil

Por Pedro Fontoura 14/03/2019 - 22:32 hs
Foto: Tribuna Popular
MESA DIRETORA DA CÂMARA DE FOZ QUER ABOLIR O HINO NACIONAL EM TODAS AS SESSÕES
SÃO ESTES

Fonte: JTribunaPopular

Na contramão do patriotismo, vereadores que compõe a Mesa Diretora da Câmara Municipal de Foz do Iguaçu decidirão em não mais cantarem o Hino Nacional Brasileiro em todas as sessões.

Depois que o prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, e o vice, Nilton Bobato, tiraram a Bandeira Nacional do mastro localizado no marco zero da cidade, entre as Avenidas Brasil e Jorge Schimmelpfeng, chegou a vez dos vereadores do município virarem as costas para os símbolos nacionais.

Desta vez, sem mais nem menos, o presidente do Legislativo nativo, vereador Beni Rodrigues, e seus companheiros da Mesa Diretora (Nanci Rafagnin, JoãoMiranda, Rosane Bonho e Edson Narizão), não querem mais que o Hino Nacional do Brasil seja executado em todas as sessões da Câmara de Vereadores.

O projeto de resolução 02/2019, datado de 21 de fevereiro de 2019, para alterar o Regimento Interno da Câmara, assinado por todos os vereadores mencionados acima, através do qual eles pedem que o Hino Nacional seja executado apenas na primeira sessão ordinária de cada mês.

No total, são cinco sessões ordinárias e cerca de dez extraordinárias por mês e, pelo visto, escutar o hino deve ser algo bem cansativo para eles.

É bom mencionar que a execução em todas as sessões do Legislativo local começou a vigorar a partir da aprovação da Resolução n° 135, de 6 de junho de 2017.

A proposta da Mesa Diretora precisa ser aprovada pelo Plenário.